Tratamento da Esquizofrenia

A esquizofrenia   é um transtorno psicótico grave, de causa genética, porém com gatilhos que podem ter origens multifatoriais. Tem entre os sintomas chamados negativos o  isolamento, a apatia emocional e a diminuição da fala. Seus sintomas chamados positivos são o ouvir de vozes, alucinações, delírios e surtos psicóticos. Vamos entender os motivos e a importância de um tratamento da esquizofrenia.

A importância do tratamento da esquizofrenia

A esquizofrenia é uma doença crônica. Precisa de cuidados e medicação por toda a vida. Entretanto o portador deste transtorno geralmente tem dificuldades em manter-se em um tratamento da esquizofrenia. Pode oferecer resistência a tomar seus medicamentos regularmente, pois não gosta dos efeitos colaterais ou acha que não precisa.

Constantemente perde o senso crítico e a capacidade de avaliar a realidade. Com isso pode entrar em surto psicótico e oferecer riscos para si e para terceiros. Devido a estes fatores geralmente esta pessoa precisa ser encaminhada para uma internação involuntária.

tratamento da esquizofrenia- os responsáveis que precisam fazer a escolha
A internação involuntária ocorre quando são os responsáveis que precisam fazer a escolha pelo tratamento da esquizofrenia

A internação involuntária ocorre quando os responsáveis precisam fazer a escolha pelo tratamento em lugar do paciente. É necessário a avaliação do psiquiatra e inicia-se o tratamento medicamentoso para a estabilização da crise psicótica.

Como é o tratamento da esquizofrenia

O tratamento da esquizofrenia em regime de internação ocorre a partir do acolhimento deste paciente, com psicotrópicos. É necessário o parecer médico para a prescrição da medicação e avaliação geral do paciente. Em casos de surtos mais agressivos o paciente necessita de acompanhamento permanente.

Os episódios de surto psicótico podem variar bastante de intensidade e frequência. De acordo com a evolução do quadro do paciente, terapias  e atividades lúdicas auxiliam bastante da reabilitação. Estas atividades precisam ser realizadas e acompanhadas por psicoterapeutas.

O Instituto Leonardo Russo possui um programa terapêutico individualizado para cada caso. As pessoas reagem de maneira diferente aos estímulos de cada terapia aplicada. O acompanhamento pelos profissionais permite avançar e aprofundar as técnicas aplicadas.

O objetivo é a reintegração desta pessoa ao convívio familiar e social de forma integral. Entendemos as dificuldades do paciente e da família. Entre em contato, podemos ajudar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *